QUINTA MARCHA NÃO!
Um pouco sobre os desafios do setor varejo.


Seremos breve; de forma simples e didática explicaremos um pouco sobre os desafios do setor varejo.

Vamos em frente?


Suponhamos que você e sua família saíram de férias e devido ao Covid-19 vocês optaram em viajar de carro (a fim de não ficarem tão expostos como ficariam numa viagem aérea e, principalmente, porque você dirige muitíssimo bem).

E lá estão vocês todos felizes na estrada.

Começa a anoitecer.

Você está bem, quase nenhum cansaço, e vocês em conjunto decidem viajar mesmo de noite.

Sua família pega no sono.

Entra a madrugada.

De repente começa a chover torrencialmente e aquele trecho da estrada que você conhecia muito bem passou a ser desconhecido…

O que você faz?

1 – Você mantém a aceleração, entra nas curvas da mesma maneira que estava entrando antes da noite e da chuva. (afinal de contas você dirige muitíssimo bem e precisa chegar logo para aproveitar as férias)

ou;

2 – Você segue a sua viagem com cautela, sem pressa, preservando a sua segurança e da sua família.

É evidente que você já está começando a concluir que a resposta é óbvia!

Porém, em um rápido paralelo, como costuma ser nosso comportamento dentro do mercado em que atuamos como empresa?

Ora, quando uma situação semelhante ocorre no mercado empresarial, o nosso comportamento costuma ser bem diferente.

Vivemos uma das maiores e mais graves crises econômicas, sanitárias e sociais de toda a história. O Covid-19 é ainda um cenário desconhecido (como a estrada no exemplo acima).

É um tempo que exige de nós muita cautela e estratégia para continuarmos sempre em frente, evitando acidentes; paradas no acostamento etc.

Por outro lado, vemos que apesar da atual turbulência, o mercado varejista está “bombando” de forma online.

Numa rápida busca no google, lemos diversas notícias de que empresas do segmento varejo tem suas ações na bolsa de valores em alta, por exemplo: Magazine Luiza, Via Varejo, Pão de Açúcar, Carrefour, B2W, Lojas Americanas etc.



O mesmo também acontece com empresas de tecnologia.



O que será que essas empresas fizeram nesta grande crise, ou estava fazendo antes dela, para conseguirem conquistar tamanha valorização?

Como podemos transformar a crise em uma grande oportunidade?

Certamente não é engatando uma quinta marcha e pisar fundo como numa corrida de Fórmula 1; Certamente não é mantendo a aceleração, entrando nas curvas da mesma maneira antes da noite e da chuva.

Talvez neste momento você esteja pensando no título desta mensagem, certo?

O que seria engatar um quinta marcha?

Resposta: Fazer o que já estava sendo feito antes da pandemia e esperar que tudo funcione bem na pandemia.

É preciso encarar a realidade de frente.

Portanto, o esforço neste momento está em dirigir com muita cautela: ou manter uma velocidade controlada onde se olha para o que está acontecendo e aguarda os sinais da estrada até a tempestade diminuir ou parar de vez (por mais improvável que possa ser em um curto espaço de tempo).

Ora, você duvida que foi exatamente isso que fizeram as empresas Magazine Luiza, Via Varejo, Pão de Açúcar, Carrefour, B2W, Lojas Americanas?

Certamente ter investido em tecnologia e inovação foi – e tem sido – o grande diferencial. Na estrada a caminho das férias, no meio da chuva, de madrugada, houve prudência, elas não engataram a quinta marcha; pelo contrário: aliviaram o pé do acelerador (avaliaram seus processos, mudaram as regras, mudaram o modelo de negócios etc etc)

VIP-Systems, atuando desde 1992, já passou por diversas crises e aprendemos que é necessário sempre investir em tecnologia e inovação para se manter vivo no mercado.

Temos plenas condições de oferecer a tecnologia e inovação certas para momentos turbulentos.

Quinta marcha NÃO!

Consulte nossos cases e nossas soluções para o varejo agora mesmo!

Agende uma call com um de nossos especialistas!


wpChatIcon